Marina diz que vai construir “1,5 milhão de casas com placas solares”

Marina Silva, sobre geração de emprego, disse que vai estimular a construção civil, o turismo e “economia criativa” – com o apoio a startups.

“Vamos construir 1,5 milhão de casas com placas solares, onde nossos jovens poderão trabalhar.”

Não era só instalar as placas solares nas casas que já existem?

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Procurem no Google “painel solar 150W” e vejam os preços por si mesmos. No exemplo, vejam bem, é um único painel de meros 150W, sem o hardware necessário para ser usado.

Ler mais 12 comentários
  1. Procurem no Google “painel solar 150W” e vejam os preços por si mesmos. No exemplo, vejam bem, é um único painel de meros 150W, sem o hardware necessário para ser usado.

  2. E além do hardware caro, esses painéis precisam de técnicos e engenheiros formados em elétrica ou eletrônica para instalação e manutenção, tipos cada vez mais raros hoje nestes tempos… “humanistas”.

  3. Essa mulher não tem nada a dizer. Vai construir casas com painéis solares e os nossos jovens poderão trabalhar? Que relação tem uma coisa com a outra? Vão ser pedreiros ou ajudantes de pedreiro?

  4. PAINÉIS solares custam caro, e ainda precisam de baterias, controladores de carga e inverters para converter a energia em CA. Ideia de jerico típica de ignorantes em elétrica/eletrônica.

    1. Essa mulher não tem nada a dizer. É cabeça-ôca estilo PT. Não existe qualquer relação entre as casas serem construídas e os jovens trabalharem. Só se forem pedreiros ou serventes. São frases aleatória

  5. O Paulo Guedes surgiu do nada e vai governar o Brasil? O ignorante Bolsonaro é só um poste, como Dilma. Durante 30 anos na Câmara ele não aprendeu o básico do básico sobre administração pública.

  6. Marina, ou qualquer outro que fizer promessas de obras está mentindo. O Brasil está quebrado, sem dinheiro em caixa. Há 5 anos gasta mais do que arrecada. Quem assumir vai ter que cortar gastos.