Marina Silva e o petismo pasteurizado

A coluna de Lauro Jardim, em O Globo, informa que Marina Silva fez uma uma reunião com seu pessoal e anunciou ser contra o impeachment, porque não há elementos contra Dilma Rousseff.

Marina Silva não está nem aí para o país: quer herdar os votos petistas, com um petismo pasteurizado.

Mais notícias
TOPO