ACESSE

Marina Silva quer imposto sindical alternativo

Telegram

Em entrevista à Globonews, Marina Silva defendeu mudanças na reforma trabalhista, disse que é preciso modernizar as relações de trabalho, mas defendeu uma alternativa ao imposto sindical.

“Uma coisa é discutir o imposto sindical, porque eu sempre defendi, quando eu era da CUT lá atrás, liberdade e autonomia sindical. Eu continuo sendo coerente com isso. Agora, tem que resolver como é que os sindicatos vão existir, qual a forma de contribuição para que os sindicatos não sejam tão fragilizados.”

Modernizar, pelo visto, significa encontrar um novo jeito de explorar o trabalhador para engordar sindicalistas pelegos.

Comentários

  • Iverson -

    O Poder Econômico da empresa é maior que o dos funcionários, ao menos individualmente. Por isso, em qualquer Democracia que se preze, os sindicatos existem. No empresariado, como em qualquer meio, existem pessoas ruins. Por isso os sindicatos devem existir, porém prestando serviço. Eu contribuo.

  • Jorge -

    A Marina está sempre querendo se equilibrar entre o seu anacrônico esquerdismo e vislumbres de modernidade. Qualquer imposto sindical obrigatório, mesmo que definido por um grupo, é absurdo.

  • -

    Ha ha ha ha tungar o Bolso do trabalhador é mole quero ver acabar com a farra dos banqueiros. Essa marina consegue enganar alguém? É uma farsante!

Ler 126 comentários