Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Marinha vê "baixa probabilidade" de óleo atingir praias ao sul de Cabo Frio

Marinha vê “baixa probabilidade” de óleo atingir praias ao sul de Cabo Frio
Foto: Pedro de Paula /Fotoarena/Folhapress

Segundo uma nota divulgada nesta quinta-feira pelo Grupo de Acompanhamento e Avaliação (GAA) formado por Marinha, ANP e Ibama, são pequenas as chances de praias ao sul de Cabo Frio (RJ) serem atingidas pelas manchas de óleo que alcançou todos os estados do Nordeste e ainda o Espírito Santo e o Rio de Janeiro.

“Como referência, o GT-1 [grupo de trabalho] observou as quantidades decrescentes de resíduos de óleo nas praias brasileiras, a baixa quantidade de material que atingiu a região Sudeste e o comportamento das correntes na superfície e subsuperfície marítima”, diz o comunicado.

“O grupo afirma ainda que “analisou a dinâmica das correntes oceânicas e a agitação marítima predominantes ao sul do Cabo de São Tomé e concluiu como baixa a probabilidade de resíduos de óleo alcançarem as praias ao sul de Cabo Frio.”

De acordo com a Marinha, a última cidade do Rio a ser atingida pelas manchas até o momento foi São Francisco de Itabapoana, no último domingo.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO