Marque a alternativa certa

Essa discussão no plenário do Senado sobre a formação da comissão especial de impeachment ainda hoje é mais uma prova de que os regimentos internos do Congresso são:

a) Mal redigidos

b) Mal interpretados

c) Propositadamente ambíguos

d) Todas as opções anteriores

12 comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200

  1. Estamos no mato sem cachorro. Torci muito pelo impeacment, mandei email para todos os deputados. Mas tenho plena consciência que não quero Cunha, Renan, Jucá… E outros mais. Temer, ainda não sei.

  2. rsss “”” …transformar este jornal num partido ou movimento … “”” ===Mário, Diogo, Claudio são Jornalistas, Antagonistas. —Amanhã, se for positivo ou não o resultado de hoje, eles continuarão Antagonistas. —Precisamos de imprensa, principalmente de imprensa antagonista, para fazer frente aos protagonistas de plantão. —Dois Jornalistas levaram Richard Nixon à Renúncia, ao Impeachment … —Sou totalmente antagonista a tal ideia de jerico. —O mesmo vale pro doutor Sérgio Moro: nada de Moro Presidente.

  3. Antagonistas:com estes políticos,esta economia,esta dívida, eu pergunto se não é o caso de transformar este jornal num partido ou movimento …o nó no país vai precisar de gente inteligente não acham?

  4. Não sei se é verdade, acabei de receber a informação de membro da secretaria de segurança da bahia que a obteve de bsb, que lula acaba de ser preso pela pf no golden tulip. Não sei se é boato. Quem informou é digno de credibilidade.

  5. Façam as contas, se 75% dos deputados são contra o pt, se mais de 80% dos manifestantes nas ruas são contra o pt, a pergunta que fica é “quem votou na dilma?” . A farça das urnas eletrônicas é muito grande Antagonistas, a conta não fecha e ao escancarar isso para o mundo vocês farão história não apenas no Brasil mas no mundo (lembrem-se virá uma série no Netflix sobre a situação no Brasil) e vocês podem eliminar de vez o pt. Investiguem isso, pode lhes render premios e, acima de tudo, podem fazer história.