MDB defende reforma da Previdência e lamenta ‘certas intervenções do sistema judicial’

Em documento divulgado hoje, chamado O Caminho do Futuro (veja aqui a íntegra), o MDB defende a consolidação do tetos dos gastos e a aprovação da reforma da Previdência.

“Ao lado da Reforma da Previdência, os custos do funcionalismo em geral têm que ser tratados de uma forma mais responsável, pois a soma destas duas despesas obrigatórias já representa 75% dos gastos da União. A tendência de ambas as despesas, na ausência de reformas efetivas, é continuar crescendo mais rápido que o crescimento da economia e das receitas tributárias da União, levando inevitavelmente à paralisia do Governo e a níveis insustentáveis de crescimento da dívida pública em pouco tempo”, diz trecho do texto.

O MDB afirma que “não há outro caminho a não ser que se aprovem mudanças legais e constitucionais que alterem substancialmente as regras dos sistemas de previdência e interrompam o aumento das despesas com pessoal”.

O partido ainda lamenta que Michel Temer não tenha conseguido aprovar a proposta de reforma da Previdência que está na Câmara.

“A desorganização do sistema político e certas intervenções do sistema judicial interromperam os esforços de reforma do Estado que estavam em curso, especialmente a Reforma da Previdência.”

A grande imprensa está atrasada no episódio do convite de Bolsonaro a Moro... Imagine o que ela está deixando de revelar para VOCÊ LEIA AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. André disse:

    E a canalhice do Eunício Oliveira do MDB hoje? Deveria ser preso! Um rolo de papel higiênico vale mais do que esse documento do MDB.

Ler comentários
  1. Giusti disse:

    Esqueceram d combinar c os russos. Os parlamentares do MDB estão fazendo o exato oposto do q defende esse documento.

  2. Adriana disse:

    Apesar de tudo, uma coisa é fato. Perto do PT o MDB é um grupo de estadistas e excelentes administradores. Perto do PT, é mesmo. Bem ou mal nos salvaram da ruína.

  3. Luis disse:

    Agora o encontro da JBS no subsolo do palácio é culpa do judiciário... Kkkkk só no Brasil mesmo.

    1. A mala do Loures é que foi o problema. Aquele encontro foi completamente superestimado pela PGR e pela mídia.

  4. Marcelo disse:

    Certos nomes podem ser relacionados às "intervenções do sistema judicial": Janot, Joesley Batista, Marcelo Miller, Fachin e outros.

  5. Eduardo disse:

    As "certas intervenções do sistema judicial" têm nome: a maracutaia derrotada, exposta e desmoralizada de Janot, Joesley Safadão, Marcelo Miller e outros, da qual O Antagonista fez parte.

  6. Cino disse:

    O Temer está sendo um presidente responsável e democrático.

  7. Cacevo disse:

    Eu acho que o maior problema para uma reforma da previdência será o próprio bolsonaro.

  8. Andre disse:

    Temer não conseguiu porque o próprio MDB fez de tudo para não aprovar a reforma da previdência.

  9. Maria disse:

    Hum... Se o MDB é a favor, soy contra! Essa corja nos roubou tudo o que pode nas últimas décadas e agora quer simplesmente reformar tudo e passar uma régua na roubalheira! E SAÍREM IMPUNES!

    1. Investigação só recupera o que for efetivamente rastreado, esqueçam. Sem falar que o sistema atual é de pirâmide. Praticamente não existe um dinheiro específico da previdência. Vocês estão

    2. Por que ninguém fala em AUDITAGEM? Talvez aparecesse o destino de boa parte do dinheiro da Previdência!

  10. Alcimar disse:

    Kkkkk. O Já ir corrupto logo vai aparecer. Moro NÃO deve mais virar ministro. Imaginem um ninho de ratazanas nomeando uma serpente como chefe? Ela certamente devorará a todos. Melhor ficar longe.

  11. Eduardo disse:

    Obrigado Temer, obrigado MDB. Vocês prepararam o terreno para as grandes reformas que tio Jair há de encaminhar.

  12. RENATO disse:

    Nessa o MDB acertou, se nao houver mudanças profundas na lei (isso vale pro codigo penal e prisional tb), nenhuma reforma vai durar, pq chega no STF e ele barram nem que seja por causa de uma "virgu

  13. Antonio disse:

    Põe na conta do Janot ou culpa do congresso