MDB do Senado tenta apoio de Bolsonaro

MDB do Senado tenta apoio de Bolsonaro
Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

O MDB do Senado tem tentado o apoio do Palácio do Planalto.

O partido tem dois líderes do governo — Eduardo Gomes, no Congresso, e Fernando Bezerra Coelho, no Senado — e não abre mão de lançar candidato à sucessão de Davi Alcolumbre.

O Antagonista confirmou que o próprio Michel Temer mandou recados a Jair Bolsonaro na tentativa de enfraquecer Rodrigo Pacheco (DEM), o preferido de Alcolumbre. O ex-presidente não considera o senador de Minas Gerais “100% confiável”, segundo interlocutores.

O Planalto estava pronto para declarar apoio à reeleição de Alcolumbre, que acabou tendo seu plano barrado por uma decisão do STF.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie o jornalismo investigativo mais independente do país.
Mais notícias
TOPO