Médicos de Manaus escolhem quem salvar

Médicos de Manaus escolhem quem salvar
Foto: Divulgação/Prefeitura de Manaus

O oxigênio nos hospitais de Manaus acabará nas próximas horas e médicos já têm de escolher quais pacientes serão assistidos, relata a Folha.

Nas primeiras horas do dia, seis pessoas morreram no Hospital Universitário Getúlio Vargas por falta de oxigênio.

“A demanda por oxigênio da rede estadual de saúde, que era de cerca de 30 mil metros cúbicos por por dia em abril de 2020, no primeiro pico da pandemia, chegou a 76 mil metros cúbicos nesta quarta-feira (13)”, diz a reportagem.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que fiscaliza todos os poderes.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO