"Megaepidemia daqui a 60 dias"

“Megaepidemia daqui a 60 dias”
Reprodução/TV Globo

Os pacientes de Manaus que foram transferidos para outros estados certamente estavam infectados com a nova cepa do coronavírus, porque ela já se encontra em mais de 90% dos amazonenses.

Quem deu o alerta foi o secretário de Saúde do Amazonas, Marcellus Campêlo, segundo o qual há “algo muito diferente” nessa nova linhagem do vírus, que agrava a saúde das pessoas de forma ainda mais silenciosa.

Luiz Henrique Mandetta disse no Manhattan Connection, ontem à noite, que a decisão de transferir os pacientes de Manaus, sem o menor cuidado, deve ter plantado mudas dessa nova cepa em todo o Brasil, e que poderemos ter uma “megaepidemia” daqui a 60 dias.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
TOPO