Meirelles a Boulos: “Criei emprego para quem trabalha, não para quem ocupa terra dos outros”

Guilherme Boulos tentou emparedar Henrique Meirelles ao vincular seu nome aos de emedebistas enroscados com a Lava Jato.

“Todos os partidos tem problemas graves e muita gente acusada. Eu tenho orgulho de não ter processos.”

Meirelles citou os “milhões de empregos” que ajudou a criar como presidente do Banco Central de Lula e ministro de Michel Temer.

“Criei milhões de empregos para quem trabalha de fato, não para quem ocupa terras de outras pessoas que trabalham duro.”

Boulos riu e disse que, se eleito, vai acabar com o toma-la-da-cá e aproximar “o poder das pessoas”. “Vamos criar o sistema nacional de democracia direta, com plebiscitos e referendos.”

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 10 comentários
  1. Ocupar é eufemismo para reoubar, pegar dos outros, invadir, furtar. Boulos copiou Dilma que trata “roubos e corrupção” como meros malfeitos. Malfeito é coisa pra criancinha na escola. Eles roubam.

  2. … no invasor Boulos. Era melhor ter ficado calado seu Toulos. Recebeu uma lapada na fuça. Uma verdadeira voadora ninja nos peitos. Se tivesse vergonha na cara teria saído do debate.