Mela Jato: Cardozo e Adams reuniram-se em Brasília

O Antagonista foi informado de que o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, reuniu-se há precisamente duas horas (22h, do dia 25 de fevereiro) com Luís Inácio Adams, advogado-geral da União, em Brasília. Nosso palpite é que, no encontro, ambos traçaram estratégias para seguir adiante com o plano de melar a Operação Lava Jato, por meio de acordos de leniência, feitos à margem da Justiça, entre a Controladoria-Geral da União e as empreiteiras do Petrolão, com aval do Tribunal de Contas da União.

Fomos informados ainda que Luís Inácio Adams ficou irritado com a visita que procuradores da Operação Lava Jato fizeram hoje ao TCU. Eles explicaram aos ministros como os acordos de leniência podem atrapalhar as investigações sobre o Petrolão e impedir a punição dos maiores responsáveis pelo escândalo, além de premiar as empreiteiras corruptoras, que poderão continuar a fazer negócios com o governo.

Luís Inácio Adams e José Eduardo Cardozo também estão preocupados com os apoios que os procuradores da Lava Jatoe o juiz Sergio Moro estão angariando entre juízes federais de todo o país.

Faça o primeiro comentário