Menos blá-blá-blá

Eunício Oliveira, líder do PMDB, está convencendo colegas de partido a abrirem mão de ocupar a tribuna no retorno do segundo intervalo da sessão do impeachment no Senado.

A votação deve mesmo ocorrer ainda nesta noite. Eunício estima que serão 58 votos a favor.

Faça o primeiro comentário