Menos de 1/3 dos processos resolvidos

O levantamento “Justiça em Números”, do CNJ, também revela que o Judiciário brasileiro solucionou menos de um terço dos processos (27%) no ano passado.

Segundo o CNJ, o Judiciário terminou o ano passado com 79,7 milhões de processos em tramitação, 3,6% a mais que o total do ano anterior.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler 13 comentários
  1. ACHO QUE A PROPINA ESTÁ EM TODA A EXTENÇAO DO JUDICIÁRIO, da 1ª à ultima instância.
    Tenho um processo em vara civel – Forum central do RJ – que corre desde o ano de 2000 ( dois mil ) por causa de um financiamento no Banco Santander no valor de R$ 4.000,00 – já ganhei em todas as instâncias com TRANSITADO EM JULGADO DESDE 2008 e ainda não consegui receber o que tenho direito.
    O Juiz enrola, o cartório enrola, o perito do juizo enrola, a defensoria pública perde os autos, a ouvidoria do Tribunal só sabe repetir frases prontas, a ouvidoria da Defensoria Pública diz que não tem poderes pra pressionar o defensor…tudo em minusculo mesmo……e a grana deve estar correndo solta ( dos serventuários aos Juiz ).
    Só não vou dar o numero da vara para eu não aparecer com a boca cheia de formigas !!!
    Querem mais ou isso ta bom ?

    1. Caro amigo, você é mais um daqueles que há décadas torce pra que a tartaruga do Judiciário vire uma Ferrari. Como reclamar não adianta, vamos aguardar até que o Mundo acabe de vez.

  2. Mas, é óbvio. O que enche os bolsos dos advogados de dinheiro não são as teses propriamente ditas. É o tempo que se leva para defendê-las. Advogados são remunerados horariamente.
    .
    Ridículo este país dos rábulas. Vive-se a ditadura dos advogados. Bando de profissionais mal formados e patetas.

  3. Com esses dados cai qualquer argumento relacionado a eficiência desse reino paralelo que existe no país. Os brasileiros precisam urgentemente voltar às ruas, não percebem que viraram escravos dos políticos canalhas e elites sem escrúpulos?

  4. Coincidência ou não, 7. O número dos mentirosos. O que esses juízes gostam mesmo é o de liberar vagabundo e ladrão e conceder habeas corpos pra safado. Quando necessitariam de julgar aqueles processos que mofam nas gavetas, principalmente os que envolvem pessoas mais velhas e em em prol delas, fazem vistas grossas e corpo mole. E depois dizem que neste chão a justiça social é feita com o maior esmero possível.

  5. Judiciário brasileiro é uma vergonha: caríssimo(o mais caro do mundo), corrupto, preguiçoso, corporativista, incompetente e ineficiente, repleto de privilégios, de mordomias, de luxos… É a CASTA PRIVILEGIADA do Brasil ao lado de várias outras categorias do funcionalismo público.
    No Brasil, nenhum funcionário público, incluindo parlamentares, deveria ganhar por mês mais do que 10 salários mínimos e em final de carreira.

Os comentários para essa notícia foram encerrados.