Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mensagens mostram que Bolsonaro cobrou informações de Moro momentos antes da reunião

Mensagens de WhatsApp publicadas pelo Estadão mostram  que Jair Bolsonaro, momentos antes da reunião ministerial do dia 22 de abril, reclamou com Sergio Moro de receber informações por “terceiros” e enviou ao então ministro vídeos de destruição de máquinas de desmatadores.

“Força Nacional, Ibama, Funai… As coisas chegam para mim por terceiros… Eu não vou me omitir”, disse Bolsonaro às 8h01m daquele dia.

Em resposta a Bolsonaro, Moro responde: “A FN e a Funai não tem autorização para destruir equipamentos. Lamento a situação do vídeo mas eh prematuro falar em envolvimento delas no episódio. Vou checar.”

Na polêmica reunião, o presidente também reclamou de falta de informações e disse que os serviços de inteligência oficiais são uma vergonha.

As mensagens de Bolsonaro reforçam a versão de Moro de que os recados da reunião ministerial, cobrando informações, eram direcionados ao ex-ministro.

O diálogo consta do inquérito que investiga a suposta tentativa de interferência do presidente na PF.

Captura de Tela 2020 05 24 às 07.08.08

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO