Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mesmo se for derrotado nas prévias, Eduardo Leite diz que fica no PSDB

Cotado para a disputa presidencial, o governador do RS afirmou que 'quer ajudar o partido a voltar a sintonizar os sentimentos das ruas'
Mesmo se for derrotado nas prévias, Eduardo Leite diz que fica no PSDB
Foto: Gustavo Mansur/ Palácio Piratini

Candidato às prévias que vão definir o candidato do PSDB para a disputa presidencial de 2022, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, disse que não vai sair do partido, mesmo se for derrotado na disputa interna.

Em entrevista publicada no Estadão nesta terça-feira (8), ele afirmou que “quer ajudar o PSDB a voltar a sintonizar os sentimentos das ruas”.

Vou ficar. Estou filiado há 20 anos no PSDB. É um partido que me reconheço do ponto de vista programático. Quero ajudar o PSDB a voltar a sintonizar os sentimentos das ruas.”

Além de Leite, devem participar da disputa o governador de São Paulo, João Doria, o senador Tasso Jereissati e o ex-prefeito de Manaus Arthur Virgílio.

Como antecipado por O Antagonista, as prévias deverão ser realizadas em 21 de novembro.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO