Meta de Marinho para casas populares ultrapassa mandato de Bolsonaro

Meta de Marinho para casas populares ultrapassa mandato de Bolsonaro
Secretário Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho durante assinatura de Ato.

O ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, prometeu hoje que seu programa Casa Verde e Amarela (que substitui o Minha Casa, Minha vida de Lula) vai atender 350 mil famílias a mais que o previsto inicialmente.

De acordo com o ministro, a meta é facilitar o acesso à moradia a 1,6 milhão de famílias de baixa renda até 2024. Isso será feito, segundo Marinho, por meio da redução de juros e mudanças no regime de remuneração dos bancos.

Ele também anunciou que vai usar o Fundo de Desenvolvimento Social, que tem “recursos da ordem de R$ 500 milhões de 30 grandes bancos brasileiros” para investir na regularização fundiária de imóveis de famílias de baixa renda.

Leia mais: EXCLUSIVO: A PARTICIPAÇÃO DE BOLSONARO NA OPERAÇÃO EM FAVOR DA JBS
Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 26 comentários
TOPO