Ministério da Saúde terá de voltar a custear leitos de UTI na Bahia e Maranhão

Ministério da Saúde terá de voltar a custear leitos de UTI na Bahia e Maranhão
Foto: Marcio Fernandes/Governo do Rio de Janeiro

Além de São Paulo, a ministra Rosa Weber determinou que o Ministério da Saúde volte a financiar leitos de UTI para pacientes com Covid-19 nos estados da Bahia e Maranhão.

No caso do Maranhão, cerca de 216 leitos haviam sido desabilitados em dezembro. No Twitter, o governador Flávio Dino, do PC do B, comemorou neste domingo a decisão:

STF deferiu liminar determinando ao Ministério da Saúde repasses financeiros relativos a LEITOS de UTI no Maranhão. Ou seja, fica evidenciado que não se cuida de um “favor”, e sim de um DIREITO dos estados e um DEVER do governo federal, segundo a Constituição e legislação do SUS.”

No início de fevereiro, os estados ingressaram com ações no STF questionando a redução do suporte financeiro do ministério para os leitos de UTI.

Leia mais: Guedes e seu ideário foram inteiramente soterrados pelos planos de sobrevivência política do presidente da República e da sua própria reeleição
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO