ACESSE

Ministério Público Eleitoral pode pedir auditoria nas urnas eletrônicas

Telegram

Helena Mader, na Crusoé, informa que membros do Ministério Público Eleitoral podem pedir uma auditoria internacional nas urnas eletrônicas brasileiras para acabar de vez com os boatos sobre possíveis irregularidades na apuração.

Ontem, sem apresentar provas, Jair Bolsonaro disse que tem elementos para acreditar que venceu a eleição no primeiro turno em 2018 — e que uma fraude o teria levado à disputa final contra o petista Fernando Haddad.

Desde a campanha, os ataques de Bolsonaro ao sistema de votação no Brasil têm incomodado representantes do Ministério Público Eleitoral e do TSE.

O vice-procurador eleitoral, Humberto Jacques de Medeiros, e vários ministros do TSE já trataram do assunto. Eles não têm dúvida sobre o funcionamento correto das urnas, mas avaliam que a chancela de uma auditoria externa poderia acabar, definitivamente, com as especulações.

Leia também: A estreia do ex-procurador da Lava Jato na Crusoé.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 60 comentários