Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ministro da Justiça, chefe da PF, dá apoio a colega investigado pela PF

Anderson Torres foi às redes sociais elogiar a política ambiental de Ricardo Salles, alvo de notícia-crime do delegado Alexandre Saraiva por suspeita de envolvimento em contrabando de madeira
Ministro da Justiça, chefe da PF, dá apoio a colega investigado pela PF
Foto:Isaac Amorim/MJSP

Anderson Torres, ministro da Justiça e Segurança Pública, foi às redes sociais manifestar apoio a Ricardo Salles —alvo de investigação da Polícia Federal, que Torres chefia, por suposto envolvimento em contrabando de madeira.

“Como sabe o Ministro @rsallesmma, reitero meu apoio à atual política ambiental do @mmeioambiente no gov @jairbolsonaro. Como falei em meu discurso hoje, sou contrário às políticas ambientais ‘de há muito tempo’, pois estas, sim, sempre foram dominadas por questões ideológicas”, escreveu o ministro da Justiça em seu Twitter oficial.

Ao que parece, trata-se de uma reação à entrevista do delegado Alexandre Saraiva ao Roda Viva na segunda (7) à noite. Responsável pela notícia-crime contra Salles, Saraiva tentou separar a política do Ministério do Meio Ambiente das do Ministério da Justiça.

As declarações de Torres deixam bem claro que a política do governo é uma só —e quem a determina é Jair Bolsonaro.

Leia mais: Assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.
Mais notícias
TOPO