ACESSE

Ministro da Saúde usou dinheiro da Caixa em negócio de filho

Telegram

Investigação da Caixa aponta que Gilberto Occhi, ministro da Saúde, usou recursos do banco na compra de casa lotérica vendida por seu filho, Gustavo Occhi, e Diogo Andrade dos Santos, seu enteado, em Alagoas, publica a Folha.

A negociação teria acontecido em 2011, quando o atual ministro era superintendente nacional de Gestão da Caixa no Nordeste.

O problema, segundo a investigação, é que as lotéricas foram “concedidas apesar de restrição prevista no decreto que versa sobre o nepotismo na administração pública”.

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 22 comentários