Ministro de Temer acumula três cargos

Nomeado interinamente como ministro dos Direitos Humanos, o advogado Gustavo Rocha mantém o cargo de subchefe de Assuntos Jurídicos da Casa Civil e ainda é conselheiro do CNMP.

Rocha, que defendeu Marcela Temer no caso do ‘hacker’, deve estar precisando dos três empregos. Só que o artigo 37 veda a acumulação remunerada de cargos públicos.

Comentários

  • velhinha -

    acho que é para economizar dinheiro público, faz o serviço de três e ganha por um.

  • Aden -

    É muita safadeza pra uma pessoa só! Se é assim, a ministra que se auto declarava "escrava", tinha razão. O carinha tem três empregos. o que deve gerar um salário mínimo mensal de aproximadamente 90.00,00 (noventa mil reais por mês, mais auxilio moradia de 4.300,00, mais motorista do CNMP, dos Direitos dos Manos, quer dizer, humanos... mais um leva e traz d casa civil. Fora aí, o auxilio alimentação que deve estar em torno de 60 a 80 reais cada e, em cada órgão ao qual está lotado. Lembrando que em cada um dos órgãos ele deve ter nomeado um(a) secretário(a) e um(a) assessor(a), ou o o mesmo para os três órgãos da administração pública.

  • Fernando -

    Nesse governo tem muita pilantragem.

Ler 25 comentários