Ministro de Temer vai depor

Dyogo Oliveira, ministro do Planejamento, também foi arrolado por Eduardo Cunha como testemunha de defesa. Ele comparecerá amanhã à Justiça Federal, em Brasília, no contexto da ação que investiga a liberação irregular de recursos do FI-FGTS.