Ministro do STF critica prisão de Mantega

Um ministro do STF, registra Lauro Jardim, criticou a prisão de Guido Mantega e a Lava Jato:

“Quando há busca e apreensão, não é necessária a prisão. Se não há como a pessoa interferir na ação, como parecia não haver no caso do Mantega, não há razão para prender. Essa é a jurisprudência do Supremo. A Lava-Jato é que está mudando isso, prendendo e fazendo condução coercitiva às vezes sem razão.”

O ministro pediu para não ser identificado. O Antagonista acha que sabe quem é.