ACESSE

Ministro do STJ nega soltar presos com tuberculose no Rio

Telegram

Antonio Saldanha Palheiro, do STJ, negou o pedido da defensoria pública do Rio para soltar 355 presos diagnosticados com tuberculose no estado, registra a Crusoé.

Na decisão, o ministro argumentou que faltam informações detalhadas sobre a situação de cada um dos presos para se permitir a soltura simultânea de todos.

“Não se sabe quem é preso provisório, quem está em pleno cumprimento de pena definitiva e, primordialmente, não se tem notícia do crime que ensejou a privação da liberdade de cada um, tampouco se algum deles integra organização criminosa”, escreveu Palheiro.

Leia AQUI a íntegra da reportagem.

Leia também: "A estupidez polarizada que assola o Brasil".

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 3 comentários