ACESSE

Ministro interino do Trabalho contesta post

Telegram

Helton Yomura, o ministro interino do Trabalho, também enviou a O Antagonista nota contestando o post “Interino do Trabalho é réu em ação de furto de energia”, notícia veiculada pela GloboNews e reproduzida pelo site.

Yomura, que diz não ser mais sócio da empresa acusada (a Fimatec), reiterou que a origem do caso é “um acidente provocado por caminhão de terceiros na rua de acesso à companhia, que ocasionou a queda do poste e medidor de energia que atende à empresa e à creche vizinha”.

Segundo a nota, no dia do acidente, a própria concessionária de energia fez a ligação direta –por não ter medidores de energia– e não voltou depois para instalá-los, apesar dos pedidos da empresa.

Yomura afirmou ainda que a própria concessionária de energia concordou em rever o débito arbitrado –de R$ 25.000 para R$ 818,86– e disse confiar em que “o deslinde do processo seja pela extinção da ação, firme na pacífica jurisprudência do Superior Tribunal de Justiça”.

Comentários

  • Nilton -

    Isso é uma verdadeira industria, no meu bairro aonde os medidores são nos postes tem um monte que foram "acidentados", joga 1 litro de gasolina e põe fogo o bombeiro vem apaga, a empresa vem e faz ligação direta, e o povo fica pagando tarifa minima.

  • Diuma -

    Ispera un pôko ki eu tô redijindu una discuupa melhó. Nun dá intrevista pra globu goupista não, viu mininu?

  • Enéas -

    Vamos começar novamente. O problema não é o indicado do Nosferatu, o problema é causado por jornalistas que ficam averiguando a ficha criminal dos nomeados ! Afinal se a indicação vem do PMDB /PT ou PSDB tá quendo oquê? Honesto não tem nesse quadrilhão. Só LADRÃO.

Ler 11 comentários