MO: propinas de 108 milhões de reais e 35 milhões de dólares

O juiz federal Sérgio Moro, na sentença de Marcelo Odebrecht:

“A prática do crime de corrupção envolveu o pagamento de R$ 108.809.565,00 e US$ 35 milhões aos agentes da Petrobras, um valor muito expressivo.

“Um único crime de corrupção envolveu pagamento de cerca de R$ 46.757.500,00 em propinas.”

Faça o primeiro comentário