Modelo do helicóptero com Boechat registrou 21 acidentes em 10 anos

Levantamento do Sistema de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos mostra que o helicóptero modelo 206B Jet Ranger II, igual ao que caiu com Ricardo Boechat em São Paulo, registrou 21 acidentes desde 2008.

Desse total, a maioria dos casos foi de perda de controle em voo (seis ocorrências) e falhas ou mau funcionamento de sistema ou componente (cinco ocorrências), informa o UOL.

Como já publicamos, a aeronave que transportava Boechat havia sido fabricada em 1975.

Este é um convite à indignação. Veja aqui!

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Fernando disse:

    Srs., antes de continuarem a especular, ou acreditarem e propagarem meras suposições, enxerguem que tratava -se de uma Anv de 43 anos de operação, às vésperas de uma revisão total por conta da

Ler comentários
  1. Guilherme disse:

    Eta nóis! Se não entendem do assunto, não falem besteiras! A idade de uma aeronave não tem haver com seu estado de conservação! Postem sobre coisas que entendem!

    1. Pura verdade! O importante é a manutenção, e também a experiência do piloto no modelo dea aeronave.

  2. Jose disse:

    Antagonista cada vez pior....21 acidentes do no Brasil ? No mundo ? ....

  3. OBSERVADOR🇧🇷 disse:

    Ra/Ea Veja contra infos Armadilha Bisol

  4. Isabel disse:

    Essa estatística não quer dizer nada. Quantas aeronaves existem no Brasil do mesmo modelo?

    1. Exatamente. E quais são os números dos outros modelos? Ele cai mais ou menos, na média, que os outros? Tá faltando pesquisa...

  5. Fabio disse:

    A idade de aeronaves, sejam aviões ou helicópteros não é medida em função de seu ano de fabricação e sim em função do número de horas voadas e número de ciclos (pousos e decolagens).

  6. Hammer disse:

    Só 21 acidentes?,mas é claro que o orgão responsável por fazer checagens nesse tipo de aeronave não viu nada demais,aliás,para os padrões brasileiro só depois de cair é que aí sim,td é rigo

    1. Uma Aeronave bem cuidada pode ficar décadas em operação e confiável,uma que não tenha esse tipo de procedimento vai deixando peças pelo caminho até que algum solo dê um fim definitivo a ela.

  7. Jocimar disse:

    Bell é o maior fabricante mundial, tem que ver na proporção em vendas qual a %.

  8. Fabricio disse:

    Detesto notícias assim, insinuando. É pouco ou muito? Tem muito avião de carreira voando no Brasil com idade superior a esta. O que importa é a manutenção.

  9. Lewandonoroskówski disse:

    O irmão desse piloto Ronaldo Quatrucci, também era piloto de helicópteros, Rogério Quatrucci, e também morreu em um acidente numa colisão em Aldeia da Serra, decolou noturno de Sorocaba em 1998.

  10. Mauricio disse:

    Porém nesse acidente a idade da aeronave não conta. Houve uma tentativa de pouso arriscada. O caminhão não conseguiu parar a tempo...

  11. Carlos disse:

    Esqueceram de dizer que o Jet Ranger tem uma das maiores frotas de helicopteros do mundo, se não a maior. Está em produção até hoje.

  12. Aparecido disse:

    Um avião de 44 anos ??? voa quem quiser.. to fora....

  13. LUIZ disse:

    44 anos ?? está parecendo o caso do jogador argentino do time britânico

  14. Soares disse:

    Comparar c/ automóvel qq, 21 acidentes estão p/ x helicópteros dessa marca assim como y acidentes p/ z automóveis Gol? Quem informa? quero conversa com esse gafanhotos não. Melhor de a-pés!