"Momento é de união", diz ministro da Justiça após ataque ao STF

“Momento é de união”, diz ministro da Justiça após ataque ao STF
Foto: Marcos Corrêa/PR

Após manifestantes bolsonaristas lançarem fogos de artifício contra o prédio do STF, o ministro da Justiça, André Mendonça, divulgou a seguinte nota na noite deste domingo:

“Em tempos tão difíceis, é essencial voltarmos aos princípios:

1º. A democracia pressupõe, acima de tudo, que todo poder emana do povo. Por isso, todas as instituições devem respeitá-lo. Devemos respeitar a vontade das urnas e o voto popular. Devemos agir por este povo, compreendê-lo e ver sua crítica e manifestação com humildade. Na democracia, a voz popular é soberana.

2º. A democracia pressupõe o respeito às suas instituições democráticas. Qualquer ação relacionada à Presidência da República, ao Congresso Nacional, ao STF ou qualquer instituição de Estado deve pautar-se por esse respeito.

3º. Portanto, todos devemos fazer uma autocrítica. Não há espaço para vaidades. O momento é de união. O Brasil e seu povo devem estar em 1º lugar.”

Leia mais: Exclusivo: os bastidores do 'inquérito do fim do mundo', no STF
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO