Mona Dorf fez a coisa certa

Quando foi publicado que o seu nome estava na lista de clientes brasileiros do HSBC de Genebra, a jornalista Mona Dorf fez a coisa certa.

Depois de divulgar uma nota negando que tivesse conta na Suíça, Mona Dorf afastou-se temporariamente do programa Pingos nos Is, veiculado pela rádio Jovem Pan, até que conseguisse esclarecer o caso.

Disse Mona Dorf no ar: “Acho que isso afeta a credibilidade do programa, não me sinto à vontade continuando aqui no programa, que coloca ‘os pingos nos is’. A gente fala muito de lei, você [Reinaldo Azevedo] é um cara muito exigente, que está sempre em cima, a gente nunca emitiu nenhuma informação sem checar 300 mil vezes.”

Com a sua atitude, Mona Dorf demonstrou que jornalistas são pessoas públicas e, como tal, têm de esclarecer eventuais irregularidades que possam afetar o seu compromisso com a verdade. Demonstrou também que não é recomendável ter dois metros: um para julgar a si próprio e as pessoas que estão do seu lado e outro para julgar quem está na trincheira oposta.

O Antagonista parabeniza Mona Dorf e espera que ela volte logo ao bom combate.

200