Mônica tratava diretamente com secretária da Odebrecht

Na busca e apreensão, a PF encontrou bilhetes de Mônica Moura para Maria Lúcia Tavares, a secretária-executiva da Odebrecht responsável pelas planilhas de acarajés.

Num dos bilhetes, Mônica se despede de Maria Lúcia “carinhosamente” com “um beijo”.