Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Moraes afasta Roberto Jefferson da presidência do PTB por 180 dias

O pedido foi feito por parlamentares filiados ao partido que apontam uma suspeita de desvio de recursos públicos do fundo partidário gerido pelo ex-deputado
Moraes afasta Roberto Jefferson da presidência do PTB por 180 dias
Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

O ministro Alexandre de Moares, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou o afastamento de Roberto Jefferson (foto) da presidência do PTB por pelo menos seis meses.

“Há diversas ocasiões nas quais Roberto Jefferson teria publicado e proferido manifestações propagando ódio, subversão da ordem democrática e incentivo ao descrédito e desrespeito às instituições públicas, sendo, portanto razoável que, nesse momento processual, onde sua manutenção no exercício do respectivo cargo poderia dificultar a colheita de provas e obstruir a instrução criminal”, disse Moraes na decisão.

O pedido analisado por Moraes foi feito por parlamentares filiados ao partido. Em 27 de outubro, membros do PTB Nacional apresentaram ao Supremo um pedido de afastamento do ex-deputado. Na semana anterior, cinco deputados federais e um deputado estadual do PTB foram ao TJ-DF pedir o afastamento de Roberto Jefferson.

Moraes afirmou ainda que “se verifica a existência de fortes indícios de que a estrutura do PTB, inclusive os recursos oriundos do fundo partidário, tem sido indevida e reiteradamente utilizada com o objetivo de viabilizar e impulsionar a propagação das declarações criminosas”.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....