Moraes disse "não" a quem pressionava para salvar Lula

As pressões dos ministros que queriam recolocar na pauta a execução de pena de condenados em segunda instância só arrefeceu porque Alexandre de Moraes, que não estava no STF quando o tribunal decidiu em favor dessa possibilidade, deu a entender de que não mudaria ou relativizaria o seu entendimento, a fim de salvar Lula ou quem quer que fosse.

Na sabatina no Senado, Moraes respondeu que era a favor da execução de pena de condenados em segunda instância.

Comentários

  • BORDUNA -

    Pelo menos é diferente do Boca Mole, que muda conforme a maré e a lua...

  • sandra -

    continuamos ansiosamente aguardando a prisão do lula e também quando será investigado o caso dos fundos de pensão das 534 empresas que foram saqueadas pelo lula e pelo pt ocasionando a morte de vários amigos no caso da varig

  • ernani -

    O negócio tá bom demais prá ser verdade. Carmem Lúcia não vai pautar a prisão em 2a. instância; Alexandre de Imoraes, ops. Moraes, dizendo que vai manter a sua "palavra"... Como diria Ferrugem, um filósofo amigo meu, "isso é uma faca de dois legumes"! Bolsonaro já!

Ler 77 comentários