ACESSE

Moraes ressalta poder do presidente de perdoar penas

Telegram

Até o momento, toda a argumentação de Alexandre de Moraes no julgamento do indulto de Michel Temer reforça o poder do presidente para perdoar penas, sem que isso interfira na formulação e execução da política criminal.

No voto, o ministro fez questão de lembrar, porém, que em 2016, quando era ministro da Justiça, sugeriu a Temer um decreto que excluísse perdão a crimes contra a administração pública. A discussão sobre a regra de 2017, que perdoou corruptos, ainda não apareceu no voto.

A bomba-relógio que vai estourar no colo de Jair Bolsonaro. E no seu

Comentários

  • Viviane -

    Cadeia para o Temer, fim do STF. Povo nas ruas já!

  • Tuiuiú -

    E quando o presidente é pego em flagrante dentro de uma garagem tratando de negócios espúrios.

  • Candida -

    A vez do Temer vai chegar e está se antecipando ao indulto.

Ler 10 comentários