Moro autoriza usar delação da Odebrecht para investigar palestras de Lula

Sérgio Moro autorizou que PF e MPF usem as delações de executivos da Odebrecht para investigar supostos pagamentos irregulares a Lula em contratos de palestras.

Com isso, explica O Globo, os investigadores poderão anexar os depoimentos dos delatores aos processos em que o ex-presidente é acusado.

Já condenado por Moro a nove anos e meio de prisão, Lula responde a outros dois processos: um relacionado à compra do terreno que serviria de sede ao Instituto Lula, outro sobre as reformas no sítio de Atibaia.

 

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 6 comentários
    1. VC SE ESCONDE AQUI PARA ESCRVER ISSO,PQ NO FACE VC NAO ESCREVE NÉ? VAI LÁ MOÇO QUE TE ACHO.
      APAE PRECISA DE VC.