Moro: “Claro que a prisão preventiva é excepcional”

Por falar em Sergio Moro, eis o que ele disse hoje:

“Claro que a prisão preventiva é excepcional, mas, infelizmente, estamos em tempos excepcionais. Mas mesmo essa excepcionalidade tem sido citada, nos casos que a comporta, dentro dos marcos legais. De maneira nenhuma eu defendo qualquer excepcionalidade em relação à inobservância da lei.”

Apenas para constar: o STF também foi excepcional quando afastou Eduardo Cunha da presidência da Câmara, suspendeu o seu mandato e o impediu de entrar na Casa.

Faça o primeiro comentário