Moro condena mais um político

O juiz Sérgio Moro condenou o ex-deputado Luiz Argôlo a 11 anos e 11 meses de prisão, pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Argôlo recebeu do esquema ao menos R $ 1,4 milhão. Moro decidiu mantê-lo preso para evitar que ele pudesse assumir uma cadeira na Câmara dos Deputados, já que é suplente.

Faça o primeiro comentário