Moro diz que mudou sobre federalização do caso Marielle após fala da família

Sergio Moro afirmou que passou a defender que as investigações do caso Marielle Franco continuassem com a Justiça do Rio após a família da vereadora colocar sob suspeita as intenções do governo federal.

“Quando eu externei publicamente essa posição, de que achava conveniente essa federalização, familiares da Marielle falaram publicamente que não queriam que fosse federalizado e ainda levantaram, de uma forma não muito justa, de que a ideia de federalizar era para que, daí, o governo federal de alguma forma obstruísse as investigações, o que era falso”, disse o ministro da Justiça durante entrevista do programa Roda Vida.

“Foi o próprio governo federal, com a investigação na Polícia Federal, que possibilitou que a investigação tomasse o rumo correto. Agora, se a família da vítima não quer, se há essa colocação de que o governo queria fazer algo de errado com a federalização, a minha posição é melhor a gente se afastar”, completou.

Comentários

  • Sandra -

    Moro como ministro ficaria muito + tempo q como presidente, e seu estresse seria só o de enquadrar aqueles incompetentes e duvidosos q estão lá, c/seu conhecimento e capacidade isso seria bem mais

  • jefferson -

    Tic, tac, tic, tac Bolsonaro.

  • Edmund -

    Moro é um bom aluno do estágio pra suceder o Mito em 2026, porém sua nota nesse teste tería sido dez se ele tivesse mandado os jornazistas tomarem vergonha na cara!

Ler 26 comentários