Moro fala no simpósio em Harvard

Chegou a vez de Sergio Moro falar sobre crimes de colarinho branco no simpósio da Harvard Law School.

O juiz federal começou dizendo que a democracia não está em risco no Brasil. Acrescentou que,  passado esse processo –a Lava Jato–, o país terá menos corrupção e uma economia mais forte.

Também disse que o foro privilegiado é usado como “escudo”. No Brasil, nada mais verdadeiro.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. Enquanto o EXCELENTÍSSIMO JUIZ SÉRGIO MORO, VIVE RECEBENDO CONVITES.
    Enquanto isso gilmar barata temer lula cabral, só recebe convites para encontros que ele mesmo promove.
    É um lixo o gilmar

Ler mais 26 comentários
  1. Enquanto o EXCELENTÍSSIMO JUIZ SÉRGIO MORO, VIVE RECEBENDO CONVITES.
    Enquanto isso gilmar barata temer lula cabral, só recebe convites para encontros que ele mesmo promove.
    É um lixo o gilmar

  2. Esses juises não saem dos States!!! …e não me venha com esse caô que Americano adoora os ouvi-los!!!!! Temos que fazer um relatório de quem vai, onde fica e que estoria conta por lá…vai que o papagaio fala

  3. O moro falou em crime de colarinho branco? E porque até agora nem se quer investiga os tucanos, peemedebistas e aliados que os delatores os tem delatado no âmbito da lava jato?

    1. Simplesmente pq uns têm foro privilegiado e consewuentemente o processo está no STF e os outros não estão na comarca do juiz
      Entendeu ou tenho que desenhar?

  4. Depois do evento promovido pela revista isto é no final de 2016 em que o moro apareceu sorrindo e conversando ao pé do ouvido com o senador delatado por corrupção com prova gravada em áudio pelo delator joesley batista que o Aécio, o temer também gravado cobrando propinas no porão do jaburu estão tranquilos, sorridentes e satisfeitos com a blindagem que a turma da lava jato os blinda.

  5. O moro continua blindando peemedebistas, peesedebistas e seus aliados delatados por corrupção, Serra, Aécio, Jucá, alckmin, temer, Rocha lores, padilha, kassab, Moreira Franco, Rodrigo Maia…

  6. Falta assumir que sua missão é continuar blindando os corruptos do pmdb, psdb e aliados que os delatores os tem delatado por corrupção inclusive com provas gravadas em áudios (provas gravadas pelo empresário joesley batista no momento exato em que os corruptos temer e Aécio cobrava propina).

  7. O Servidor Público Federal Doutor Juiz Sérgio Moro estará mostrando aos EUA e ao Mundo que há pessoas cristãs, dignas, sérias, inteligentes, honestas, democráticas, no Brasil, que são a maioria absoluta. É uma pena que o Materialismo Histórico – google – socialismo comunismo ateísmo está fortemente enraizado nos EUA, a nação mais cristã e mais poderosa do mundo. VEJAM “https://justpaste.it/whatisculturalmarxism” – VALE A PENA SABER O QUÉ O POLITICAMENTE CORRETO MARXISTA COMUNISTA, a filosofia de Marx para a destruição das religiões e do capitalismo.

    1. O juiz federal Moro tem feito um trabalho notável no caso da Lava Jato..
      Mas, ocorre que funcionário público é pago com verbas públicas.. então, nada de ficar fazendo discursos, palestras várias vezes ao ano no horário de trabalho..
      Quer fazer ?? Então programa isso para fazer nas férias..
      Isso pesa na imagem dele.. até agora, tem feito um trabalho exemplar na Lava Jato, mas queima o filme se portando como mais um juiz que não trabalha no horário que deveria trabalhar..
      Uma pena.. poderia ser um exemplo de funcionário público impecável…

  8. ESTADÃO – Desarmar a bomba fiscal para evitar um desastre no primeiro ano do próximo governo é uma das tarefas mais complexas e mais assustadoras da recém-nomeada equipe econômica. Será impossível afastar o risco da insolvência, em 2022 ou pouco mais tarde, sem a reforma do sistema de aposentadorias e pensões.
    .
    Garantir o cumprimento da chamada regra de ouro das finanças públicas, em 2019, foi uma das preocupações da equipe ao montar o projeto da LDO. Descumprir essa norma pode sujeitar o presidente da República a processo por crime de responsabilidade.
    .
    Desajustado estruturalmente, o Orçamento tem sido mais um problema do que um instrumento para execução de políticas e realização de inovações econômicas e sociais. A recuperação do instrumento só virá com ajustes e reformas.

  9. Vera Magalhães, Estadão:
    “Aqui e ali pipocam textos dizendo que “em Harvard”, Luis Barroso disse isso. “Em Harvard”, Raquel Dodge aquilo.

    O evento com os juízes e procuradores brasileiros é um simpósio promovido pela associação de alunos e ex-alunos brasileiros da escola de direito de Harvard. A instituição não é responsável pela sua promoção. Pode soar chique, mas não é preciso. / V.M.”

  10. enquanto MORO levanta a imagem do pais la fora, sendo patriota sem deixar de dizer a verdade, o PT e seus asseclas fazem o possivel para denegrir a imagem do brasil, não se importanto com as consequencias disso