Moro: “Malabarismo financeiro”

Sérgio Moro, em seu despacho do dia, fala em “malabarismo financeiro” ao descrever os crimes de lavagem de dinheiro de Delúbio Soares e sua turma.

Além de Delúbio e Ronan Maria Pinto (cinco anos de prisão cada um), foram condenados Luiz Carlos Casante (quatro anos e seis meses) e Enivaldo Quadrado (cinco anos). A condenação de Natalino Bertin prescreveu.

Foram absolvidos, além de Marcos Valério, Oswaldo Rodrigues Vieira Filho, Sandro Tordin e Breno Altman.

Faça o primeiro comentário