Moro nega dados do “departamento de propina”

Sérgio Moro, noticia o Estadão, negou pedido do MP do Rio para compartilhar provas sobre o departamento de propinas da Odebrecht em 16 inquéritos civis abertos para apurar suspeitas de improbidade envolvendo Eduardo Paes nas as obras do Parque Olímpico, da Linha 4 do Metrô e do Maracanã.

O juiz disse que as solicitações “são genéricas” e que a Polícia Federal ainda não terminou a análise do material.

Faça o primeiro comentário