Moro, sobre a Lava Jato: "As provas, inegavelmente, eram muito sólidas"

Sergio Moro aproveitou o seu pronunciamento inicial na CCJ do Senado para defender o trabalho da Lava Jato.

“As provas, inegavelmente, eram muito sólidas. Diretores da Petrobras, com milhões de euros e dólares no exterior… e também (provas) em relação a empresários ou alguns agentes políticos”, disse o ministro.

Moro também afirmou:

“O mais importante é avaliar o resultado que a operação obteve: a queda do padrão de impunidade no Brasil.”

Comentários

  • Paulo -

    BANDIDOS REU, ACUSANDO EX-JUIZ, SO NO BRASIL FECHAMOS ESTA OCRIM, AGORA OU FICAMOS ESCRAVOS DESSA GENTE.

  • Funesto -

    o resultado do brasil é a maior prova, malas de dinheiro, delações, injustiça do sistema, venda de leis e ações judiciais, loteamento. Vem ca, um zelador de zoo virar megaempresario. Menos né,

  • ANDRE -

    O Brasil é um País que merece ser estudado!! O rabo consegue morder o cachorro. temos um Juiz exemplar sendo inquerido pelo bandido!!!

Ler 8 comentários