Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Moro volta a dizer que Bolsonaro "sabotou" combate à corrupção

Pré-candidato do Podemos ao Planalto e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública rebateu acusações de que teria "traído" o presidente
Moro volta a dizer que Bolsonaro “sabotou” combate à corrupção
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Sergio Moro (foto) voltou a dizer nessa terça (7) que Jair Bolsonaro “sabotou” o combate à corrupção no país. Durante o lançamento de seu livro Contra o sistema da corrupção, em São Paulo, o pré-candidato do Podemos ao Planalto e ex-ministro da Justiça e Segurança Pública falou sobre o desgaste de sua relação com o presidente da República.

“O que era difícil para mim era ver que o presidente não ajudava, ao contrário, ele sabotava os avanços na consolidação do combate a corrupção.”

Ainda sobre o combate à corrupção, Moro afirmou que se “entristeceu” com decisões tomadas pelo Judiciário e pelo Legislativo, mas disse que não concorda com o fechamento do Congresso e do STF.

“A gente tem que respeitar essas instituições. Não quer um país sem Congresso e sem Supremo porque isso é um país sem democracia.”

O ex-ministro rebateu as acusações de que teria “traído” Bolsonaro ao deixar o governo e afirmou que fez o necessário para defender a Polícia Federal e o interesse dos brasileiros.Não fui desleal ao presidente, fui leal ao país”, acrescentou.

Ao comentar a disputa de 2022, Moro disse acreditar na mudança de voto daqueles que apoiaram o presidente em 2018. “Perguntavam para o eleitor se tinha votado no Bolsonaro como se ele fosse cúmplice de um crime“, ironizou.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....