Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mortadelas confusas

Depois de assinar nota das centrais sindicais anunciando a suspensão dos protestos contra a reforma da Previdência na próxima terça-feira, o presidente da CTB — uma das que agonizam depois do fim do imposto sindical — disse que a central dele vai parar, sim.

“Diante da posição adotada pela maioria das centrais, a qual discordamos profundamente, a CTB orienta sua base a permanecer em luta no dia 5 de dezembro e a realizar atos na porta das sedes do INSS em todas as cidades do país.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO
×
Oferecimento....