ACESSE

Mortes por doenças cardiovasculares crescem 70% em SP

Telegram

Segundo levantamento da Sociedade Brasileira de Cardiologia, o número de mortes por doenças cardiovasculares aumentou 70% no estado de São Paulo entre março e maio deste ano em relação ao mesmo período de 2019.

O médico Marcelo Queiroga, presidente da Sociedade Brasileira de Cardiologia, disse ao G1 que a pandemia de Covid-19 fez com que muitos pacientes crônicos deixassem de fazer o acompanhamento adequado.

“As doenças cardiovasculares são doenças crônicas, não transmissíveis e que as pessoas precisam fazer uso dos medicamentos, bem como consultar os médicos. Então, em função do distanciamento social, houve uma diminuição da procura aos médicos, seja em consultório, seja nos serviços públicos da atenção primária”, afirmou.

Leia mais: A guinada de Bolsonaro para ficar no poder

Comentários

  • Cirval -

    Opinião estranha. Por que só o paciente tem que procurar o médico? Em uma situação extraordinária como a da pandemia, por que o médico não foi ao paciente grave? Até as farmácias estavam abertas.

  • Roberto -

    Parem as criticas!!! Doria esta seguindo a ciência!!! Parem as criticas!!!

  • Alexandre -

    Fique em casa.. morra em casa. Mídia nojenta!

Ler 48 comentários