Moura: “1% para o núcleo SP, 1% para o nacional e 1% para a companhia”

Fernando Moura detalhou ainda os percentuais da propina de contratos com a Petrobras antes de 2005, Segundo ele, foram negociadas comissões com a UTC, Engevix, GDK e Hope.

Ele citou as obras de construção das plataformas P-51 a P-56, um oleoduto e a unidade de Cacimbas. Disse que os percentuais foram negociados em reunião com Silvio Pereira.

“Nesse dia a gente decidiu que era para ser 1% para o núcleo São Paulo, 1% para o núcleo nacional e 1% para a companhia.”

Ele detalhou que o núcleo São Paulo era José Dirceu e seu grupo político, o núcleo nacional era Delúbio Soares e a “companhia” eram Renato Duque e Pedro Barusco.