Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Mourão admite que redução do desmatamento em 12 meses foi "irrisória"

O vice-presidente afirmou nesta segunda-feira que os números do Prodes devem indicar uma queda de no máximo 5% no desmatamento
Mourão admite que redução do desmatamento em 12 meses foi “irrisória”
Foto: Adriano Machado/Crusoé

Hamilton Mourão disse nesta segunda-feira (2) que a redução do desmatamento da Amazônia nos últimos 12 meses deve ficar abaixo da meta. O ciclo anual de comparação chegou ao fim no último sábado, dia 31.

O vice-presidente havia dito anteriormente que a expectativa era de uma diminuição de 10% a 12% para os números do Projeto de Monitoramento do Desflorestamento na Amazônia Legal, que ainda não foram divulgados. Segundo ele, o índice deve ficar entre 4% e 5%.

Ao chegar ao Palácio do Planalto, Mourão admitiu que o número foi “irrisório”.

“Fechou o ciclo, o ciclo fechou no dia 31 de julho, provavelmente não vou cumprir aquilo que eu achava que seria o nosso papel de chegar a 10% de redução. Acho que vai dar na faixa de 4% a 5%, uma redução muito pequena, muito irrisória, mas já é um caminho andado.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO