Mourão quer reforma política

Hamilton Mourão defendeu hoje que, após a conclusão das mudanças no sistema previdenciário, o Congresso trate da reforma política.

“Os partidos deixaram de representar o pensamento da sociedade como um todo. Acho que todos aqui entendem perfeitamente que o ideal é que tivéssemos cinco partidos, quando muito uns sete, que representassem as diferentes espécies de pensamento que temos dentro da nossa sociedade”, disse o vice-presidente em um evento na FGV do Rio.

Mourão disse também:

Bolsonaro na guerra entre militares e ‘olavistas’. CONFIRA

“Hoje, na Câmara dos Deputados, temos 26 partidos representados. Apenas dois partidos têm mais de 50 deputados, em torno de sete têm entre 30 e 40 e o restante são partidos com oito ou dez deputados. Então, é extremamente fragmentado o nosso Congresso. Não é fácil lidar com isso aí.”

Para o vice-presidente, o voto distrital seria o melhor modelo para o país. “Esta é a minha opinião. A eleição ficaria mais barata.”

Comentários

  • Sandra -

    E que acabem com o financiamento partidário, quem quiser ser candidato que se vire.

  • Mariinha -

    Concordo com o vice-presidente/general Mourão. O/

  • Arthur -

    Finalmente alguém de bom senso retorna com a reforma política. Precisamos acabar com coligação, fundo partidario e implementar o voto distrital para vereadores e deputados. Nao esquecer o recall.

Ler 53 comentários