As ‘movimentações significativas’ de Paulo Preto

O Tribunal Penal Federal da Suíça informou que há indícios de que Paulo Preto, ex-diretor da Dersa apontado como operador do PSDB, movimentou valores por meio de empresas offshore, informa O Globo.

A informação consta de decisão em que a corte suíça rejeitou pedido para que a documentação bancária de Paulo Preto no exterior não fosse enviada às autoridades brasileiras.

Segundo os juízes suíços, os extratos mostram “transações significativas e regulares” em favor de várias empresas no mesmo período dos crimes pelos quais o ex-diretor da Dersa é investigado.

Os investigadores acreditam que Paulo Preto possa ter desviado até R$ 113 milhões para contas no exterior.

O Brasil virou à direita. Entendo por quê AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 38 comentários
  1. A diferença entre pessoas mentalmente saudáveis e os esquerdopatas, é que quando as primeiras veem as evidências de corrupções elas não tentam mentir para esconder este fato…!!!

  2. Não tem querido como tirar o protagonismo do PT no Petrolao e outros esquemas de propinas! O PT esteve a frente do executivo por 14 anos nos quais mais se roubou e deixou roubar! Que TODOS paguem!

  3. E o Lula, fazendo escola, Geraldo tb não viu nada, não sabe de nada , não conhece ninguém. A propósito, ao falar desse presidiário , gostaria de parabeniza-lo, finalmente ele conseguiu unir o pa

  4. Nao vejo a hora de encerrar esta eleição para enterrarmos de vez o PT e seus asseclas, de começarmos uma limpeza neste País e colocarmos muitos deles na Cadeia, ou manda-los para o inferno.

    1. Curiosamente o GM é avesso à visitar a Suíça. Não passa nem próximo da fronteira. Ja sobre Monaco, a coisa muda de figura!