MP de São Paulo investiga evolução patrimonial de Ricardo Salles

O Ministério Público de São Paulo abriu inquérito para investigar a suspeita de enriquecimento ilícito do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, entre 2012 e 2017, publica o Estadão.

No período, Salles alternou a atividade de advogado com cargos no governo paulista.

Em 2012, Salles foi candidato a vereador pelo PSDB e declarou possuir R$ 1,4 milhão em bens. Em 2018, quando se candidatou a deputado federal pelo Novo, declarou possuir R$ 8,8 milhões — alta de 335% em cinco anos, corrigindo pela inflação.

O ministro nega haver irregularidades.

Comentários

  • Julio -

    Acho que “O Antagonista” deveria fazer uma entrevista com algum especialista de verdade, assim como fez com o climatologista da USP, que desmascarou toda a farsa do aquecimento global!

  • Ronaldo -

    Trabalhei como um "mouro" durante mais de 60 anos e meu patrimônio continuou o mesmo. Quero a receita do Sr. Ricardo Salles para dar a volta por cima.

  • Rodrigo -

    pq p...ja tentaram o Guedes, a Damares, o Moro, agora a bola da vez é o Salles...vai toma no c... abutres safados

Ler 123 comentários