ACESSE

MP do contrato Verde e Amarelo deve ser fatiada

Telegram

Prestes a caducar, a MP do contrato Verde e Amarelo deve ser fatiada pelo governo.

Segundo o líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho, avalia-se inserir os temas mais urgentes da medida provisória, como os incentivos para contratação de jovens de 18 a 29 anos e pessoas com mais de 55 anos, em outras matérias trabalhistas em tramitação na Câmara.

O jeito seria incluir a proposta por meio de emendas parlamentares.

 

Outras regras, como a atuação dos fiscais de trabalho e o valor das multas das dívidas trabalhistas, seriam colocadas em uma nova medida provisória. A viabilidade da reedição é analisada pela Casa Civil.

“Não havendo impedimento jurídico, parte será reeditada e parte será incorporada em MPs em tramitação”, disse Bezerra.

Leia também: DEM x Bolsonaro

Comentários

  • Isabel -

    Câmara e Senado dão golpes na população, para retaliar e desestabilizar o Executivo. A prioridade não é o bem do povo, são caprichos e interesses. Atenção, Brasil!

  • Marcelo -

    O burocrata adora pulverizar normas e fazer aumentar a nossa já intrincada teia normativa.

  • GAC -

    Essa Medida Provisória é um atentado ao trabalhador, ainda mais num momento como esse, um crime. Tem que cair.

Ler 4 comentários